POLUIÇÃO DO AR / IMPACTO À SAÚDE
Impacto à Saúde
Um duplo problema: a poluição do ar afeta a saúde humana e o clima do planeta.
Slider

 

 

UM CENÁRIO QUE NÃO MAIS SE RESTRINGE ÀS GRANDES METRÓPOLES

Poluição do ar é a presença ou lançamento no ambiente atmosférico de substâncias em concentrações suficientes para interferir direta ou indiretamente na saúde, segurança e bem estar do homem.

________________

É a contaminação do ar por gases, líquidos e partículas sólidas em suspensão, material biológico e até mesmo energia.

 

OS POLUENTES:

gás incolor e inodoro gerado nos processos de combustão incompleta de combustíveis fósseis e outros materiais que contenham carbono em sua composição. Impede o transporte de oxigênio, causando hipóxia tecidual, o que pode levar a prejuízos na acuidade visual, no aprendizado, na capacidade de trabalho e no aumento da mortalidade por infarto cardíaco agudo entre idosos.

é um poluente secundário, ou seja, é formado a partir de outros poluentes atmosféricos. O ozônio é um gás incolor e inodoro, que causa danos na vegetação em geral, bem como irritação nos olhos e problemas nas vias respiratórias dos seres humanos, como asma, bronquite e diversas doenças pulmonares em adultos e crianças.

produzidos pela queima de combustíveis que contenham enxofre em sua composição, também são gerados em processos biogênicos naturais, tanto no solo quanto na água. A principal fonte antrópica do SO2 é a combustão do carvão e sua presença na atmosfera pode ocasionar a formação de ácidos (H2SO3 e H2SO4) e provocar chuva ácida. É um gás que pode provocar desde simples irritações nos olhos e garganta até edema pulmonar, dependendo da concentração e tempo de exposição.

gerados em processos de combustão, e ainda processos de descargas elétricas na atmosfera. O NO2 é um gás marrom avermelhado de forte odor, que pode causar danos à vegetação (devido à formação de chuva ácida) e que está associado à ocorrência de doenças respiratórias, como pneumonia e bronquite.

são poluentes que contêm carbono e resultam da queima incompleta de combustíveis, como por exemplo, solventes orgânicos, bem como evaporação dos mesmos. Os COVs são facilmente vaporizados em condições de temperatura e pressão ambiente e, através de reações químicas, atuam como precursores do smog fotoquímico, levando à formação do ozônio troposférico. Os COVs têm um grande impacto sobre a saúde humana em função da sua alta toxicidade e efeito cancerígeno.

são compostos orgânicos com dois ou mais anéis aromáticos condensados, que estão presentes tanto no material particulado em suspensão quanto em outras matrizes ambientais. No meio ambiente, os HPAs podem sofrer reações químicas, originando produtos que podem ser prejudiciais à saúde humana (por suas propriedades mutagênicas e carcinogênicas). As fontes naturais de emissão de HPAs são as erupções vulcânicas e queimadas espontâneas florestais. As principais fontes de emissão de HPAs são as de origem antrópica, principalmente aquelas advindas da exaustão de motores a diesel e gasolina, de processos industriais e da fumaça de cigarros.

as principais fontes de geração do gás amônia são as indústrias químicas e de fertilizantes, principalmente aquelas à base de nitrogênio, além dos processos biogênicos naturais que ocorrem na água e no solo. O gás amônia provoca severas irritações no trato respiratório.

 

consiste de uma população de partículas sólidas e líquidas em suspensão na atmosfera, como poeira, fuligem das partículas de óleo, pólens, esporos.

são um tipo de material particulado, associados aos processos de mineração, combustão de carvão e processos siderúrgicos.

compostos gerados a partir de outros poluentes (COVs e NOx), que foram lançados na atmosfera por meio de reação química entre esses compostos, catalisada pela radiação solar. Dentre os principais oxidantes fotoquímicos destacam-se o ozônio (O3) e o peroxi-acetil nitrato (PAN), que causam irritações nos olhos e alterações nas vias aéreas.

 

 

 

RISCO

Impulsionando doenças não transmissíveis, a poluição do ar se torna responsável por

 

93

MIL

mortes em países de baixa e média renda nas Américas

fonte: OMS, GBoD 2016

 

 

 

Os efeitos da poluição do ar na saúde humana

________________

 

à curto prazo

(nos dias de alta concentração de poluentes)

 

Curto prazo

(nos dias de alta concentração de poluentes)

 

Irritação nas mucosas do nariz e dos olhos;

Irritação na garganta (com presença de ardor e desconforto);

Problemas respiratórios com agravamento de enfisema pulmonar e bronquite;

 

à longo prazo

(15 a 30 anos vivendo em locais com muita poluição)

 

Longo prazo

(15 a 30 anos vivendo em locais com muita poluição)

 

Problemas pulmonares e cardiovasculares;

Cardiopatias (doenças do coração);

Câncer, principalmente de pulmão;

Diminuição da qualidade de vida e da expectativa de vida ;

 

No Brasil, esses efeitos estão mais evidentes nas grandes metrópoles, polos industriais, regiões com grande queima de biomassa (floresta, cana de açúcar), atividades de mineração e uso de técnicas de pulverização de agrotóxicos.

 

 

O AUMENTO DA TEMPERATURA GLOBAL

O clima também é afetado pela poluição do ar. Os gases poluentes formam uma camada na atmosfera que bloqueia a dissipação do calor. O calor fica concentrado na atmosfera, provocando mudanças climáticas.

________________

Futuramente, poderemos ter a elevação do nível de água dos oceanos, provocando o alagamento de ilhas e cidades litorâneas. Muitas espécies animais poderão ser extintas e tufões e maremotos poderão ocorrer com mais frequência.

 

SAIBA MAIS SOBRE AS MUDANÇAS CLIMÁTICAS